abril 06, 2010

Vamos delatar a pupila!?

E fui eu há algumas semanas fazer meus exames oftalmológicos, e como de praxe para aqueles que possuem olhos maiores do que o normal e, consequentemente, um risco maior de problemas na retina, havia a necessidade de eu dilatar as pupilas.

Felizmente, tudo correu na normalidade. Quero dizer, se você acha que ficar 30 horas com as pupilas dilatadas é normal, então correu tudo na maior normalidade.

Dia seguinte, estava eu no escritório contando o causo da pupila dilatada e me vem um de meus companheiros de trabalho dizendo que ele também já precisou delatar as pupilas.

Sequência óbvia de fatos, disse a ele, mala que sou, "não quisestes dizer dIlatei as pupilas?". Mas o cabra não se vexou não e me disse que não foi dilatar nada não, foi mesmo dElatar as pupilas. Ao que, novamente numa sequência óbvia, perguntei "Mas como assim? Como alguém delata as pupilas?".

Explicou-me o X9 que ele, cansado do comportamento luxurioso e pecaminoso de suas pupilas, resolveu ir à delegacia e delatar suas pupilas pelo crime de passar a maior parte da noite olhando para pornografia na internet. Esclareceu ele também que o escrivão e o delegado, a princípio, ficaram um tanto espantados com a estupidez do delator. Mas que o espanto se transformou em histeria infindável, o que o impossibilitou de terminar o processo de queixa.

Puto da vida por ter sua delação transformada em piada, e já descrente na justiça dos homens decidiu o cabra apelar para a justiça divina. Foi ele se confessar ....

Long story short, o padre após confirmar por três vezes que o cabra estava mesmo confessando um pecado de sua pupila internet-porn-addict, decidiu passar-lhe a penitência: uma ave-maria ....

"Como assim Padre? Uma ave-maria somente não é penitência."

Ao que o Padre respondeu "Meu filho, se considerarmos que olhar pornografia na internet é pecado, o céu terá que investir muito dinheiro em alterações para sua nova população de 100% de deficientes visuais", e complementou "Então tivemos que criar uma jurisprudência para essas novidades da tecnologia. Chegamos então à conclusão de que, desde que você não olhe pornografia de forma a atentar contra os Dez Mandamentos, não há problema!".

"Mas como assim, não atentar contra os Dez Mandamentos?"

"Fácil meu filho, veja os exemplos::
"Não dizer 'meu Deus ....' ao olhar a pornografia
"Não olhar pornografia aos Domingos.
"Não olhar pornografia de mãe e/ou pai. A menos que você entre no quarto deles sem querer, aí você já está perdoado automaticamente porque os pecadores dos seus pais deveriam ter trancado a porta.
"e assim vai. Entendeu?"

"Sim, Padre, mas e aquele mandamento de 'não cobiçar a mulher do próximo'?"

"Ah, esse é complicado. Mas assumamos que se a mulher do próximo tá lá peladona na internet, o próxima não tá muito preocupado. E não há pecado em cobiçar o que lhe é entregue de bom grado."

Um comentário:

  1. Esse mesmo cabra que fala que foi dElatar a pupila, normalmente tbem diria que palavras em ingles num texto em portugues deveriam estar "entre caspas" ........ Beijinhos, Mari

    ResponderExcluir